top of page

Torne sua vida mais PRODUTIVA, CRIATIVA E INTENCIONAL

  • Foto do escritorgelsontk

Livro - A Guerra da Arte (Steven Pressfield)

Atualizado: 29 de jun. de 2020

Steven Pressfield ficou famoso escrevendo livros de ficção com histórias militares, entre eles “Portões de Fogo” e “Tempos de Guerra”. Mas em “A guerra da Arte” (não confunda com a Arte da guerra de Sun Tzu), ele escreve sobre a vida, os desafios e os medos de ser escritor e trabalhar com arte em geral.


O começo fala de ter uma vida que nós vivemos diariamente e de uma vida “não vivida”, que você deseja, mas que acaba abdicando por um motivo: A RESISTÊNCIA!


A resistência é o que te limita a fazer coisas que você gostaria. É algo que você precisa ter coragem e persistência para enfrentar.


“Quanto mais importante é o chamado para a evolução das nossas almas, maior será a Resistência que sentiremos para persegui-lo”

Para escrever algo para o blog, por exemplo, a RESISTÊNCIA pode aparecer de várias formas:

  • Preguiça de escrever

  • Medo do que as pessoas irão pensar

  • Dúvida se o conteúdo irá agregar alguma coisa

  • Necessidade de aprender a criar um site do zero

  • Com um “conhecido” falando que isso é besteira e não vai dar em nada.

Tudo isso é RESISTÊNCIA! O demônio, segundo Steven, que fica no seu caminho.

Pense o quanto de resistência existe no seu caminho te impedindo de seguir em frente!

Na segunda parte do livro, Steven explica como se tornar um “Profissional”, a pessoa que consegue quebrar a resistência de forma sistêmica com resiliência. O próprio autor fala da sensação de escrever 10 livros inteiros para só então ter o primeiro exemplar vendido. Isso o ensinou a acreditar no seu potencial mesmo na adversidade, encarar com a mentalidade de aprendiz, evoluindo a cada erro.


O profissional não escreve para agradar a crítica, muito menos para agradar a todos, ele escreve pelo amor à arte e pela busca de se desenvolver, agregar valor na vida das pessoas é a consequência.


“Seu objetivo não é a vitória, mas conseguir lidar com ele mesmo, com o seu interior, da forma mais robusta e constante que ele conseguir.”

Por isso, o profissional não fica lamentando os erros, sabe que precisa acordar cedo, que precisa melhorar vários pontos e mais importante, sabe que o resultado não é do dia para a noite, só a disciplina no longo prazo traz resultados duradouros.


A terceira parte é mais espiritual sobre a musa de inspiração, anjos e deuses, que particularmente não agregou muito.


Foi um daqueles livros que acertam em cheio o seu momento de vida, pois a resistência sempre foi bem presente na minha vida, principalmente na forma de proclastinação. Nos últimos anos tenho criado meios de me tornar profissional, principalmente colocando as minhas ideias em prática, fazendo parte do jogo (skin in the game)! E recomendo a todos que façam isso também.


Quebre a Resistência! E viva a sua vida não vivida!
 

Se você gostou do livro e pensa em comprar, não esqueça de comprar através do link do site (sem valor adicional no preço):



Outros livros do autor:

Turning Pro https://amzn.to/2VCVux4 (Outro livro de Steven sobre o tema, na minha opinião até melhor)

Portões de fogo: https://amzn.to/2Ee5xxR

Tempos de Guerra: https://amzn.to/2YwdF4s

103 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page